02/01/2014 14h00 - Atualizado em 02/01/2014 14h00

Número de furtos de veículos cresce 66,6% em Conchal em relação a 2012

Índice de janeiro a novembro de 2013 já superou os números do ano anterior. Alta da criminalidade foi constatada em várias cidades pequenas da região.

 
 

Os últimos dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado apontam um aumento da criminalidade nas cidades pequenas da região de São Carlos (SP). Em Conchal, por exemplo, município com 25,2 mil habitantes, o crescimento dos furtos de veículos foi de 66,6%. O índice de janeiro a novembro de 2013 já superou os números de 2012.

Foram 40 ocorrências registradas contra 24 em 2012. Já roubos em geral ainda não ultrapassaram os números de 2012, mas tiveram crescimento nos últimos meses do ano: em outubro foram dois casos e em novembro sete. O mesmo aconteceu com furtos em geral; foram 25 ocorrências em outubro e 33 em novembro.

O Comerciante Milvá Costa Santarin foi uma das vítimas de roubo. Os criminosos não levaram apenas o carro dele, mas tiraram a tranquilidade. “Nunca tive esse negócio de revólver na cabeça, isso nunca aconteceu comigo. A partir do momento que você sai do carro, você vai esperar que você vai levar um tiro? É assustador”, falou.

Com muitas bicicletas pelas ruas e gente conversando na praça, Conchal conserva as características do interior, mas aquele sossego de cidade pequena parece ter ficado no passado.

“Aqui era muito sossegado, você podia sair tranquilo sem medo. Hoje você anda como se tivesse alguém te seguindo, se preparando para te assaltar ou para fazer alguma coisa, não é mais como era antigamente”, falou o pedreiro Jesus da Silva Nogueira.

A sensação de medo é de muitos moradores. “E hoje, quando chega uma certa hora, a gente se tranca dentro de casa e não sabe se está seguro ou de que jeito tem que se defender”, falou o Aposentado Pelegrino Bolela.

O diretor municipal de segurança, Claudimir Viganó, confirma o aumento na violência e diz que houve um crescimento dos crimes também na zona rural, principalmente roubos e furtos de tratores. Mas, segundo ele, a Prefeitura está fazendo sua parte.

“Nós tínhamos duas viaturas e estamos com quatro veículos, uma moto. E aumentamos o efetivo que era de 34 para 47. A gente chamou mais 13 guardas que estavam na lista de espera dos concursados”, afirmou Viganó.

PM

O sargento Fábio Consoni, da Polícia Militar de Conchal, explicou que foi feito um mapa dos bairros onde os bandidos têm agido e disse que policiais de Araras foram deslocados para a cidade para reforçar o policiamento nessas áreas.

Região

Outras cidades pequenas da região também registraram aumento em alguns crimes. Em Analândia, houve crescimento dos furtos, quando não há uso de violência. De janeiro a novembro de 2013 foram 65 e no ano anterior, 51.

Em Boa Esperança do Sul, o número de furtos também subiu: de 102 para 128. Já em Santa Gertrudes, o crime que teve aumento foi o roubo, quando há uso de violência e ameaça. Foram 59 em 2013, contra 55 em todo o ano anterior.

G1 São Carlos e Araraquara

Seja o primeiro a comentar!

Envie seu Comentário!

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.