Fiscalização nas rodovias de MS será intensificada no feriado prolongado

Operação nas rodovias acontece entre os dias 10 e 14 de outubro


 
Brasil é um dos oito países com maior número de mortes no trânsito, aponta ONU - Foto: Divulgação PRF Brasil é um dos oito países com maior número de mortes no trânsito, aponta ONU - Foto: Divulgação PRF

A operação Nossa Senhora 2018, coordenada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em todo país, será antecipada em Mato Grosso do Sul, em razão do feriado de 11 de outubro. A partir da meia-noite de quarta-feira (10), as equipes intensificarão a fiscalização nas rodovias que cortam o Estado.

Segundo informações da corporação, MS soma 3,6 mil quilômetros de rodovias federais, nove delegacias e 22 unidades operacionais da PRF. Além do trabalho realizado cotidianamente, o objetivo da operação é reduzir a violência no trânsito, nas estradas de todo país.

Em razão disso, por cinco dias, a operação Nossa Senhora priorizará a segurança e a prevenção de acidentes a fim de reduzir a violência nas rodovias federais do Estado. Como em todo feriado prolongado, a ênfase será no combate ao excesso de velocidade, às ultrapassagens indevidas e à alcoolemia associada à direção veicular.

A fiscalização será intensificada em todas as rodovias federais do Mato Grosso do Sul. E nos períodos de maior fluxo os policiais rodoviários federais vão concentrar a fiscalização em locais e horários de maior incidência de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas do órgão.

TRÂNSITO QUE MATA

A Organização das Nações Unidas (ONU) elegeu a década 2011-2020 como aquela de Ações pela Segurança no Trânsito, na qual os signatários se comprometeram a reduzir a violência no trânsito, ceifando as vidas de cerca de 1,3 milhão de pessoas por ano. O Brasil, ao considerar números absolutos no início da década, estava entre os oito países com mais mortes no trânsito.

As ações preventivas da PRF para redução da violência do trânsito e de acidentes envolve a fiscalização do abuso de velocidade, a infração mais cometida pelos condutores no país, como também as infrações com potencial mais lesivo relacionado às ultrapassagens proibidas e à alcoolemia ao volante.

Para reduzir o número de acidentes, a Polícia Rodoviária Federal contará com 80 viaturas, 40 aparelhos de etilômetro – também conhecido como bafômetro.

DICAS DE TRÂNSITO

A PRF recomenda aos motoristas algumas condutas para que façam uma viagem mais segura:

– Faça uma revisão no veículo antes de viajar: verifique pneus (inclusive o estepe), limpadores de para-brisa e sistema de iluminação e sinalização;

– Planeje a viagem: programar paradas para abastecimento, alimentação e descanso;

– Mantenha a atenção na rodovia: respeite a sinalização e os limites de velocidade, eles existem para proteger a sua vida;

– Mantenha sempre os faróis ligados para que seu veículo fique mais visível aos demais condutores;

– Não ligue o pisca-alerta com o veículo em movimento: isso pode confundir os outros motoristas e causar um acidente;

– Mantenha uma distância de segurança do veículo à frente;

– Em caso de chuva, reduza a velocidade.

Correio do Estado

Envie seu Comentário